FRASE:

FRASE:

"Se deres um peixe a um homem, vais alimenta-lo por um dia; se o ensinares a pescar, vais alimenta-lo a vida toda."

(Lao-Tsé, filósofo chinês do séc. IV a.c.)

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

EU E A COPA

Eu adoro futebol. Joguei minhas peladas, na minha adolescência cheguei a bater uma bolinha em times amadores de futebol e futsal (naquele tempo, chamava-se futebol-de-salão) e frequento estádios desde que meu irmão me levou pela primeira vez a um deles, acho que com cinco anos.
Hoje, acompanho o futebol mais pela TV do que pelas ocasionais idas aos estádios.
Entretanto, não consigo ver com entusiasmo a realização da copa do mundo de 2014 no Brasil. Para mim, parece mais o pai duma família cujos filhos passam fome, se vestem mal, estão doentes e sofrem com diversas necessidades, se propondo a patrocinar uma festa para a vizinhança!
Com os preparativos em relação à copa, acontece um fenômeno parecido com o carnaval: nas semanas que antecedem o carnaval, a gente vê pessoas de poucas posses e natureza simples, declarando que passa noites trabalhando voluntariamente, até sem remuneração, para preparar as fantasias! Não posso deixar de pensar que, se fizessem o mesmo durante o ano, em alguma atividade lucrativa que dependesse de um empenho assim, provavelmente estariam bem melhor de vida!
Pois com a copa, a coisa é parecida, mas, em uma escala astronomicamente maior! Vemos bilhões e mais bilhões surgirem, inclusive em verbas públicas, para a construção e reformas de estádios, e uma mobilização nunca vista de governadores e prefeitos, visando a aprovação de projetos relacionados com a Copa 2014. Que tal se tivessem essa mesma disposição em cuidar da educação e da saúde públicas?
Ah, mas certamente não virão aviões cheios de turistas para aplaudir crianças bem preparadas, escolas de qualidade, nem emergências de hospitais bem equipadas, sem pessoas jogadas pelo chão ou sentadas nas calçadas! Isto não dá ibope!
Alguns dos estádios que estão sendo construídos ou reformados provavelmente terão suas maiores platéias durante a copa, e depois nunca mais serão vistos com sua lotação completa, a julgar pela média de público durante jogos do campeonato brasileiro, nas cidades onde estão localizados.
Em abril deste ano, um relatório do Tribunal de Contas da União (TCU) assinalou que os estádios de Brasília, Cuiabá, Natal e Manaus correm o risco de não gerar lucros sequer para cobrir sua própria manutenção, após a realização da Copa.
O relatório também fez referência ao estado dos aeroportos, ao destacar que as obras haviam começado apenas no de Guarulhos, em São Paulo, e no do Rio de Janeiro.
O BNDES abriu uma linha de crédito para os estados onde há cidades-sede da Copa 2014, num montante total de 4,8 bilhões de reais. O teto máximo para cada cidade é de 400 milhões. Entretanto, até agora apenas três estados foram aprovados para sacar alguma coisa. Outros solicitantes tem problemas com a documentação exigida. E os totais liberados pelo BNDES são bem reduzidos, em função destas indefinições.
O perpétuo presidente da CBF declarou no início da campanha para sediar a copa que “não seria investido dinheiro público nas obras de estádios”. Mas, nos contratos firmados pela PPP (Parceria Público-Privada), ficou estabelecido que 60% dos custos com construção e reformas de estádios seriam de responsabilidade dos estados onde ficariam as sedes da competição.
Segundo alguns órgãos de imprensa, na realidade há mais dinheiro público envolvido indiretamente, por conta de verbas gastas pelas prefeituras e de partes de empréstimos empregados nestas obras.
As exigências da FIFA para a copa não se resumem aos estádios, mas também às áreas adjacentes aos mesmos, à infraestrutura de transportes e aos aeroportos. E o custeio destas obras cabe exclusivamente aos estados onde se localizam as cidades-sede.
Os argumentos a favor dos gastos públicos com a Copa do Mundo no Brasil dizem que o certame trará empregos, aumentará o fluxo turístico, promoverá a revitalização de áreas urbanas e garantirá “investimentos de peso” no país.

Segundo a Delta Construção, uma parte da estrutura auxiliar 
de sustentação dos dutos de ar condicionado cedeu, na obra
do novo terminal de Guarulhos.
(Foto:Sidnei Barros/Folha Metropolitana)

Em 12 de setembro de 2011, as obras à iniciadas no aeroporto de Guarulhos foram interditadas por solicitação do Ministério Público, por não terem sido licitadas.
Para a juíza Louise Vilela Filgueiras Borer, que acolheu a solicitação do MP em caráter liminar, a dispensa de licitação não é justificável porque a necessidade da ampliação do aeroporto é antiga, e a possível situação de caos aéreo tem origem na "inércia da própria Administração Pública".
Mas, dois dias depois, a Advogacia Geral da União e a Infraero conseguiram autorização para continuar as obras.
Aliás, este é uma dos estratagemas que se costuma ver com frequência no buraco negro das obras públicas deste país: as “autoridades” vão deixando as providências que lhes cabem sem definição, até os prazos se esgotarem e as situações virarem emergências. Quando a situação é de caráter emergencial, então as obras podem ser contratadas sem licitação, e eles podem fazer o que bem entenderem, favorecendo a quem quiserem!
Neste caso, mais uma vez deu certo!
As obras do Maracanã também sofreram paralisações devido à greves dos operários por mais segurança, e os custos previstos subiram de 705 para 936 milhões de reais, devido à necessidade de demolição da cobertura, que inicialmente se julgou que poderia ser aproveitada.
Há cinco dias atrás, houve o desabamento de uma ala inteira de telhado nestas obras da expansão do aeroporto de Guarulhos, atingindo alguns operários da obra! Apesar disto, foi menos mal do que se acontecesse com o terminal já em funcionamento, entupido de gente!
O Congresso apresentou ontem um projeto de lei que prevê o uso de bases aéreas militares para o desembarque de turistas. O Comandante da Aeronáutica já teria dado luz verde para a proposta.

“É um sinal realmente de que os aeroportos não vão ficar todos eles prontos e todos eles modificados para os jogos da Copa”, prevê o deputado José Rocha (PR-BA).

O projeto deve ser votado na semana que vem na comissão especial da Câmara e só depois será votado no plenário. Parlamentares acreditam que a votação só será concluída no ano que vem.
Para mim, isto é um indício claro de que algo não está indo bem na preparação dos aeroportos envolvidos! Já estão procurando alternativas!
Por estas e por outras, não sinto nenhum entusiasmo com esse evento!

20 comentários:

  1. Eu torço, mas torço muito pra que no dia da abertura do bendito evento nenhum aeroporto esteja totalmente reformado e tudo esteja o caos que vemos no cotidiano. Que não estejam prontas as cortinas e máscaras. Que esteja tudo às claras, a insegurança, a feiura urbana, o Brasil como ele é, parafraseando Nelson Rodrigues.

    Chega de pão e circo!

    Mandou muito bem no texto, Leonel.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Leônidas, meu véi....

    Fórgo em vê-lo dinovôtraveis.. Se nóis morasse na mesma city eu ia lhe mostrar a "canhóta trivelada" mais felomelau do futebol-de-salão desse século... hehehe.
    Torno minhas as palavreaturas de MilenA, em grau, gênero e cor.. ô minininha porrêta sô!!!

    Tu dimulíu meu querido amigo...
    Abraços
    Tatto

    ResponderExcluir
  3. Leonel,
    Assino em baixo, também acho que o dinheiro público investido nessas obras seria muiiiito melhor aplicado em hospitais, escolas e infra estrutura que nada tem a ver com o futebol. Parece que o famoso "pão e circo" que os romanos gostavam de aplicar para aplacar a ira do povo, continua valendo.
    E tem mais, estamos falando de um evento menor espalhado por 12 cidades brasileiras, já pensou nas Olimpíadas, um evento pelo menos 20 vezes maior, concentrado aí no Rio?
    Abraços e parabéns pela bela postagem, JAIR

    ResponderExcluir
  4. Olá Leonel,
    Eu nunca senti entusiasmo, por não gostar deste esporte. Acho um absurdo a quantidade de dinheiro que um jogador recebe so para correr atrás de uma bola e fazer gols, rsrsrs
    Tem tanta coisa no dia a dia que a gente corre atrás para fazer gols, ter vitória e não recebemos nada em troca. Muitas vezes recebemos pontapés de uma maneira tão bruta que não conseguimos levantar com facilidade.

    Existem outras coisas no mundo, como os voluntários que fazem caridade por este mundo afora e que jamais serão reconhecidos. Eles sim mereciam toda esta glória... Sem falar em outros esportes que tem uma beleza incomparável!

    Beijos carinhosos

    ResponderExcluir
  5. Poucos países patrocinadores obtiveram retorno sócio-econômico palpável com a copa. Talvez as Olimpíadas (apesar da opinião sempre ponderada do Jair) deixem uma herança mais deglutível. O tempo dirá.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  6. Fica triste se não comentar nada? É que continuo tão cansada com tudo!Toda hora, o tempo todo, pipocam aberrações... Isso quando aparecem pra nós! O debaixo do tapete não cabe mais. Tôdentro dessa sua total falta de entusiasmo (infelizmente).
    Beijuuss, amado, n.a.

    ResponderExcluir
  7. Excelente post Leonel. Eu que não estou acompanhando as notícias por falta de tempo também né....adorei ficar bem informada sobre o andamento do andor de barro que vejo partido já em mil pedaços, e acho que será colado com dinheiro mal gasto que sairá do sacrifício do povo direto para alguns bolsos já repletos....e a gente desencanta mesmo com tanta sujeira debaixo do tapete de grama....onde estará acontecendo o espetáculo do circo que certamente dará conta de distrair a platéia....
    Então pode acrescentar um nós lá no seu título viu? Tô contigo!
    Beijos amigo!

    ResponderExcluir
  8. A Copa foi uma grande cartada de MARKETING eleitoral realizar eles realizam mas também tenho minhas duvidas sobre se colheremos alguns frutos dessa Copa bom para um país onde se compra o voto em suaves prestações com programa como bolsa Família onde! Os rato ruge continuam rugindo em Brasília. Quase removi esse comentário com medo de magoar alguém quero deixar claro que minha opinião não é partidária mesmo porque a muito tempo deixei de carregar Bandeira... E vou parando para NÃO COMPLICAR! Também curto futebol mas não fecho os olhos para outras questões! Um abraço GRANDE!

    ResponderExcluir
  9. Muito bom seu texto, estava lendo uns mais antigos que me chamaram a atenção. Todos bem formulados, parabéns.
    E obrigada pelos seus comentarios no meu blog, sempre com informações bem relevantes.
    Beijos,Duda.

    ResponderExcluir
  10. Oi, amigo, eu dsde o início fui contra; o Rio de Janeiro já está tão cheio de malandragem e sei lá o que vão fazer conosco nessa euforia toda, boa coisa não é, vamos ter que 'pagar um preço"...
    Essa
    utopia que é o futebol, hoje acho tudo arranjado, viu só o Brasileirão, pareceu já destinado,enfim "tudo o que escreveste, eu assino embaixo"
    ... sinto falta de uma visita tua, eu sou a Mery*, verdadeira, a outra, sei lá,...anda por aí a me sondar como uma assombração, desculpe, feliz fim de ano, tô desastrada pra escrever, más notícias , vê meu post, se puderes; tá difícil né.
    Beijo grande, Mery*

    ResponderExcluir
  11. Oi Leonel acho um desperdiço gastar dinheiro assim dessa forma. Enquanto que as pessoas estão morrendo nas portas de hosipitais... Medicamentos faltando em pronto socorro hospitais sem UTI. Será que não existe ninguém que tem condição de parar com essa corrida com o com dinheiro público?
    Imagine quantos hospitais, aparelho em UTI que poderia ser adquirido com esse dinheiro que estão gastando em reformas de Estadio , Aeroporto e Hotéis etc e tal risos... Leonel tenho tantas revolta com isso. Vejo pessoas morrendo sem medicamentos, porque não consegue em Posto de Saúde , e os Governantes espanjando dinheiro a torto e a direito. Fico pensando porque o futebol dá tanto dinheiro assim?
    Obrigada pelo carinho amigo. Beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir
  12. Boa noite meu amigo querido!
    Venho chegando e já te dando beijinhos para apagar tal notícia do qual todos são do contra,mas que no fundo se sentem felizes por tudo que vai ilustrar o país nestes dias que acontecer a copa...depois veremos,kkkkkkkkkkkkk
    Aproveito para convidar-te a passar no recanto dos autores que estou no bate bola da Anne Lieri...contando um pouco da minha história de vida,passa lá...
    http://recantodosautores.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Passando para desejar boa semana Leonel!
    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Parada para reflexão. Com certeza não queremos somente o verniz, queremos uma Educação com qualidade e uma Saúde de primeiro mundo. Belo post. Obrigada, obrigada, obrigada mil X obrigada pela belas palavras no blog. Você já é meu irmão do coração. Mil beijos

    ResponderExcluir
  15. Leonel, to passando pra te dizer que gostei imenso em fazer parte da tripulação da Es-Sotamer contigo, juntamente com a galera.

    A gente pouco se fala, mas nos vemos de vez em quando. O que importa mesmo é a bem querência.

    Deixo um beijo pra ti e boa noite!
    :)

    ResponderExcluir
  16. Ola,meu querido amigo,adoro receber seus comentários,além de me incentivar sempre me joga uns confetes.Achei excelenta a idéia da Violetera da Sarita Montiel,Aliás até andava procurando alguns clássicos do cinema espanhol,veio a calhar.Sempre que tiveres alguma outra musica em mente e que me seja possível cantar e tiver o perfil do blog manda dizer.Agora como estamos quase chegando no Natal,farei uma postagem natalina e depois vou tirar um tempinho de férias,mas vou providenciar logo 'violetas coloridas' para alegrar o ano que vai entrar.Muito grande abraço para você. Su.

    ResponderExcluir
  17. Boa noite querido!
    Vim aqui só deixar um punhado de beijinhos prá ti...para que tua noite seja de bençãos ...

    ResponderExcluir
  18. Leonel um dia o sonho será assim feito para caber em um segundo....nesse dia terei descoberto até o segredo do mundo....
    Beijos e boa noite!

    ResponderExcluir
  19. sei que vai ser uma festa bonita, que vai ser uma grande alegria. mas é igual festa de debutante na família de orçamento apertado: vai dar um problema nas contas durante um tempão, é mto dinheiro que vai ser investido e poderia ter sido investido em coisa mais urgente. fora tb a corrupção envolvida.

    dai com caráter de urgência... paga-se qualquer preço pelas coisas né. e a festa vai ser mto mais de alguns do que do povo, em verdade.

    é triste isso.

    excelente texto, Leonel! grande abraço!

    ResponderExcluir
  20. Querido amigo,

    Quando as coisas vão erradas e o momento é de crise, não pense que todos os seus esforços têm sido em vão, segue.
    Talvez tudo tenha sido para melhor. Sorria... E experimente outra vez! Pode ser que o seu aparente esforço venha a ser a porta mágica que o conduzirá para uma nova felicidade, que você jamais conheceu. Você pode estar enfraquecido pela luta, mas não se considere vencido. Isso não quer dizer derrota. Não vale a pena gastar seu precioso tempo em lágrimas e lamentos.
    Levante-se!
    E enfrente a vida outra vez. E, se você guardar em mente a alto objetivo de suas aspirações, os seus sonhos se realizarão. Tire proveito dos seus erros. Colha experiências das suas dores. E, então, um dia você dirá:
    “... GRAÇAS A DEUS EU OUSEI EXPERIMENTAR OUTRA VEZ,
    E REENCONTREI A PAZ, O AMOR E A FELICIDADE..."

    Que a paz de Deus permaneça no seu coração renovando suas forças e esperanças a cada dia!

    http://www.youtube.com/watch?v=rRw715y39hU

    Um abraço carinhoso da equipe do Yehi Or

    http://hajalluz.blogspot.com/

    ResponderExcluir